Mergulho em Salvador, Bahia

20 de Fevereiro de 2015

Período da Viagem: Fevereiro/2015

Quem disse que na Bahia só tem Axé e Acarajé, está muito enganado. Tem muito, mas muito mais!

Além de uma história riquíssima, um povo super simpático e acolhedor, uma infraestrutura turística de matar de inveja outros estados brasileiros, na Bahia também tem águas claras e quentes, e diversos pontos de mergulhos, com uma rica vida marinha, o que faz a felicidade de nós mergulhadores.

Como moro em Aracaju, em Sergipe, estado vizinho da Bahia, e de fácil acesso a Salvador, apenas 3 horas e 30 minutos de carro, não poderia deixar de aproveitar o verão nordestino, e curtir um bom final de semana, bem estilo “Dive Trip”.

Nesse final de semana da viagem, programamos 2 mergulhos, pois só tínhamos disponibilidade para mergulhar no Sábado pela manhã.

Contratamos a empresa SharkDive, indicação do nosso amigo, instrutor de mergulho e dono da Amigos dos Mar em Aracaju, o Gustavo Mendes. O empresa SharkDive e os instrutores Igor Carneiro e Ricardo Chango, nos atendeu super bem, mostrando profissionalismo e conhecimento técnico.

Mergulho em Salvador
(Foto: Selfie Soraya Resende) 
Mergulho em Salvador
Mergulho autônomo em Salvador

Primeiro mergulho

Características do primeiro mergulho:
Dive Site: Naufrágios Bretagne e Germânia
Profundidade máxima: 9 metros
Tempo do mergulho: 52 minutos
Visibilidade: 16 metros

No nosso primeiro mergulho em Salvador, fomos ao encontro dos destroços de dois navios naufragados no mesmo local, a apenas 500 metros do Farol de Santo Antônio, conhecido como o Farol da Barra, logo na entrada da Baía de Todos os Santos. São os navios Germânia e Bretagne, naufragados no mesmo período, no final do século XIX.

Os destroços dos dois navios encontram-se misturados no fundo do mar, tornando-se impossível, para simples mergulhadores, identifica-los.

Mergulho em Salvador
(Foto: Soraya Resende)   
Mergulho em Salvador
(Foto: Soraya Resende)

Confesso que não esperava muito desse mergulho, considerando ser um ponto que sofre diariamente com as interferências naturais de uma metrópole como Salvador. Me surpreendi!

Por ser um mergulho com profundidade máxima de 9 metro, a visibilidade e luminosidade agradou bastante, ótimo para filmar e tirar fotos 🙂 A vida marinha, nesse ponto de mergulho, também nos surpreendeu. Vimos várias lagostas, várias espécies de peixes e corais. Um mergulho ideal para quem está iniciando no “Mergulho Autônomo”, com cilindro.

O acesso ao ponto de mergulho, também agradou bastante, apenas 5 minutos de barco do Farol da Barra, ou 20 minutos do porto em frente ao Mercado Modelo, de onde partimos.

Segundo mergulho

Características do primeiro mergulho:
Dive Site: Boião do Farol
Profundidade máxima: 17,2 metros
Tempo do mergulho: 55 minutos
Visibilidade: 15 metros

O ponto de mergulho Boião do Farol, fica bem próximo dos naufrágios Germânia e Bretagne, não mais de 5 minutos de barco. Acredito que por isso, geralmente as saídas dos dois mergulhos são combinadas.

O ponto é formado por combinações rochosas, juntando alguns corais e, para mim, pouca vida marinha. O que mais me chamou atenção no mergulho foi uma grande âncora que vimos no fundo do mar, e algumas grandes lagostas. Nada mais! Um mergulho ideal para iniciantes e para batismo dos novos mergulhadores.

O segundo mergulho, definitivamente, não nos agradou!

Mergulho em Salvador
(Foto: Soraya Resende)   
Mergulho em Salvador
(Foto: Soraya Resende)

Preço:
Pagamos por pessoa, pela saída de mergulho, incluindo os dois mergulhos, cilindro e lastro – R$ 180,00 por pessoa
Não precisamos alugar nenhum equipamento, pois levamos os nossos.

Empresa de Mergulho:
SharkDive
Rua Manoel Vitorino, 18, Comércio
Salvador, Bahia
Fone: (71) 3241-7690
E-mail: atendimento@sharkdive.com.br
Site: www.sharkdive.com.br
Contato: Igor Carneiro

Mergulho em Salvador, Bahia

Observações:
Para praticar o mergulho autônomo (mergulho com cilindro), em qualquer parte do mundo, é obrigatório sempre apresentar o BREVET com certificação internacional, tipo PADI , CMAS ou NAUI, compatível com a modalidade de mergulho que pretende praticar. Não existem exceções, até mesmo por uma questão de segurança. Portanto, se pretende mergulhar durante sua viagem, leve seu BREVET válido.

Se você nunca mergulhou, geralmente os grandes resorts de mergulho no mundo oferecem cursos básicos, chamados de “batismo”. Uma ótima oportunidade para descobrir o mundo “underwater”

Instagram: @sorayaresende
Twitter: @sorayaresende
Fanpage: facebook.com/poraicomigo
Contato: soraya@poraicomigo.com.br
YouTube: youtube.com/poraicomigo

Leia também outros post relacionados ao destino:
Um pouco sobre o paraíso chamado Ilhas Maldivas
Taj Exótica Resort & Spa – Nosso paraíso nas Ilhas Maldivas
Um jantar mais que especial no Oceano Índico – Taj Exótica Resort

Imagens e Texto: Soraya Resende

Todos os direitos reservados.
2015© PoraíComigo. Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte. Caso queira adquirir nossas matérias, entre em contato.

Mergulho em Salvador
(Foto: Mauricio Resende)